Unisinos RS

Como criar empregos com a economia verde

Publicado

Da produção de biocombustíveis à reciclagem. Da colheita na floresta ao design de ambientes sustentáveis.

Segundo relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) divulgado no início do mês, 60 milhões de empregos sustentáveis podem ser criados se o sistema atual de produção e consumo for direcionado para a economia verde.

As oportunidades poderiam representar um alívio para boa parte dos 74,8 milhões de jovens desempregados do planeta.

Para que isso aconteça, segundo o estudo, são necessários investimentos em oito setores que juntos respondem pelo emprego de 1,5 bilhão de pessoas — a metade da força de trabalho mundial.

Estes setores — energia, indústria, agricultura, reciclagem, construção, pesca, florestas e transporte — serão os mais afetados pelo mau uso dos recursos naturais e pela degradação ambiental. São eles também os que apresentam as maiores oportunidades.

A indústria de construção civil, por exemplo, utiliza um terço do uso de energia global e responde por um terço das emissões de gases e emprega 111 milhões de pessoas ao redor do mundo.

Se as políticas de economia verde forem adotadas, o setor é o que possui o maior potencial para a redução de emissões de gases e também para a geração de empregos verdes.

Novas oportunidades aparecem na construção de novas edificações ecologicamente mais eficientes, nas reformas, no design e na produção de novos materiais e produtos.

Estimativas indicam que o investimento de 470 bilhões de dólares em cinco anos para “esverdear” o setor possa gerar 17,5 milhões de empregos.

Posts relacionados:

>>> Ecotelhado no front light da Rossi