energia-zero

O que são construções energia zero e como torná-las possíveis?

Publicado

A busca por fontes de energia sustentável aumentou bastante nos últimos anos, principalmente, por conta da falta de chuva em alguns lugares, que prejudica o abastecimento e a produção de energia elétrica. Com isso, surgiram novas alternativas, como a energia zero, que vem despertando o interesse de profissionais e pesquisadores. 

Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!

O que é e como funciona a energia zero?

O seu conceito é muito simples de ser explicado. Trata-se da energia produzida por um prédio para o seu próprio abastecimento. É uma ação que vem sendo muito usada nos últimos tempos. 

Os casos mais comuns são os de captação de luz solar, através dos painéis fotovoltaicos. Porém, existem outros tipos de energia que possibilitam esse conceito de energia zero, como a biomassa, a eólica e a geotérmica.

Sobre a energia solar fotovoltaica

placas-energia-zero-01

A energia solar fotovoltaica é a principal fonte de energia zero. Apesar do seu elevado custo de implementação, ela se torna uma opção extremamente vantajosa quando analisada a longo prazo. Além disso, estamos falando de uma fonte de energia sustentável que provoca menos impacto na natureza.

Energia zero na construção civil

Para os pesquisadores da área, ela representa o futuro e a evolução da construção civil, isso porque ela é uma fonte de energia limpa e oferece um impacto ambiental positivo nas construções, reduzindo o uso de energia elétrica. 

Para que isso se torne uma realidade mais presente e comum, é preciso que a construção civil esteja atenta quanto às mudanças e avanços dessas fontes renováveis.

É muito mais barato e fácil implementar uma solução de energia renovável quando o prédio está em construção, logo, é necessário ter cuidado com alguns pontos:

  • a estrutura do prédio precisa estar adaptada para receber os equipamentos e o sistema de distribuição de energia;
  • a arquitetura do prédio deve ser pensada para aproveitar os espaços em prol da produção de energia;

Vale lembrar que os prédios que possuem estrutura de energia renovável são mais valorizados e recebem o certificado energético.

Para compreender melhor a importância da energia zero, é importante ressaltar que países desenvolvidos, como Japão, Estados Unidos e alguns países da Europa já possuem uma legislação que obriga os novos empreendimentos a serem projetados com esse tipo de energia.

No Brasil, 47% da energia consumida vêm dos prédios. Logo, ao utilizar essa alternativa em todos os prédios, a economia de energia seria de 47%. Bastante coisa, não? 

A Ecotelhado possui diversas soluções sustentáveis para o seu projeto, como o telhado com placa solar. O que acha de implementá-lo em seu projeto arquitetônico? 

Entre em contato com a Ecotelhado e esclareça suas dúvidas!