minimalismo

Minimalismo: 5 hábitos para uma vida sustentável onde menos é mais

Publicado

O termo minimalismo se tornou popular nos últimos anos, afinal, muitos dos seus adeptos relatam sentir benefícios diretos do estilo de vida. 

No artigo de hoje, você entenderá como direcionar a sua energia para aquilo que realmente importa, através de 5 dicas para tornar sua vida mais sustentável e minimalista.

Siga a leitura!

Afinal, o que é minimalismo?

O documentário Minimalism: A Documentary About the Important Things, lançado em 2016, chamou a atenção da população ocidental sobre a importância de viver uma vida mais leve, menos consumista

De acordo com o portal GreenMe, o documentário reflete sobre a ideia de que “menos é mais”, sugerindo que podemos definitivamente parar de acumular itens desnecessários e dar mais espaço apenas ao que nós realmente precisamos para tornar a vida menos agitada. 

Assim, a principal questão apontada pelo documentário é: “a filosofia do menos é mais poderia fazer uma mudança em sua vida”?

Segundo o dicionário, minimalismo significa “predisposição para redução e simplificação dos elementos que compõem um todo.” Desta forma, ser uma pessoa minimalista é ter vontade a simplificar a sua vida, dando relevância para coisas, momentos e compromissos verdadeiramente importantes. 

Quando somos minimalistas, valorizamos mais a nós mesmos do que objetos materiais. Somos influenciados a tomar decisões com base naquilo que precisamos e não naquilo que acreditamos querer

Na sociedade contemporânea, somos o tempo todo influenciados a comprar. Assim, a adoção de práticas minimalistas no cotidiano nos permite o aproveitamento daquilo que temos, reduzindo possíveis preocupações com aquilo que não possuímos. 

card explicativo sobre minimalismo

Menos é mais: entenda como viver uma vida minimalista

Agora que entendemos o que é minimalismo, chegou a hora de explorarmos algumas formas de tornarmos nossa vida mais minimalista, evitando exageros e desperdícios.

Antes de começar, é importante compreender que o minimalismo é algo que deve ser pessoal e, por isso, não existem regras ou padrões que você deve seguir e cumprir para ser um minimalista.

Mesmo assim, algumas dicas básicas podem lhe ajudar a se aventurar em um estilo de vida onde o menos é mais. 

1. Mude o seu mindset

O primeiro passo para viver uma vida minimalista é, sem dúvidas, a questão da mudança de mindset. Precisamos compreender que bens materiais não nos trazem felicidade ou uma vida mais plena. 

2. Livre-se do que é menos importante para você 

Comece descartando aquilo que é menos importante para você. Ao começar com itens difíceis, o processo por ser dificultado. Então, ao invés disso, livre-se de itens rasgados ou rachados, descarte papéis duplicados, doe livros que você comprou e não leu, venda ou faça doação de roupas e sapatos que você não utiliza mais.

3. Reduza seus itens de valor sentimental

Depois de se livrar dos itens acima, comece a separar aqueles objetos com valor sentimental. Tente limitar essas coisas a uma quantidade que caiba em uma caixinha de sapatos. 

4. Perceba e reduze informações

Cada vez mais recebemos uma variedade de informações que, em sua maioria, são irrelevantes à nossa vida. Isso somente nos faz perder o foco e o precioso tempo. 

Uma dica é diminuir o tempo de consumo de mídias sociais e televisão sem necessidade. 

5. Saiba organizar sua agenda ao dizer não

Muitas vezes, na ansiedade de ser produtivo e multitarefa, acabamos por aceitar convites e pedidos na tentativa de agradar outras pessoas. 

Aprenda a valorizar o seu tempo, e, sobretudo, a dizer “não”, quando você já está sobrecarregado. 

E então, curtiu as dicas da Ecotelhado? Comente!

Deixe seu comentário abaixo